Notícias

Dia Internacional da Mulher é celebrado com histórias inspiradoras na ADVB/RS

A ADVB/RS realizou no dia 8 de março o painel “Mulheres Inspiradoras: trajetórias que venceram desafios pessoais e profissionais”. A programação, realizada em alusão ao Dia Internacional da Mulher, reuniu profissionais que compartilharam com o público suas caminhadas e projeções para uma sociedade cada vez mais igualitária.

A atividade teve como painelistas Alexandra Zanela (Padrinho), Ariane Feijó (Otimifica), Daniele Lazzarotto (Tricô), Patrícia Carneiro (Plann) e Remi Owadokun (Total Makeover Program) e foi mediada por Mastrângela Teixeira, gerente-executiva de eventos da ADVB/RS.

“É sobre a nossa vida que estamos falando aqui. Costumamos ter muitos pitacos, principalmente dos homens, em nossas vidas. É por isso que hoje eu acho incrível estarmos aqui discutindo, ao lado de tantas mulheres incríveis”, destacou Alexandra Zanela, que compartilhou sua história de vida, salientando momentos em que foi desacreditada a buscar aquilo que almejava somente pelo fato de ser mulher.

Ariane Feijó, fundadora da Otimifica, destacou a influência familiar na formação de sua personalidade. “Eu nunca fui autorizada a não ser uma pessoa forte, mas parece que constantemente nós somos desautorizadas a sermos tudo aquilo que queremos ser”, exaltou.

Daniele Lazzarotto abordou sua criação na cidade de Ijuí. Filha de professores universitários, cresceu em um ambiente onde foi incentivada a ser dona de si e dos seus sonhos. Daniele também trouxe casos em que foi atacada no ambiente de trabalho por ser uma mulher em posição estratégica de gestão.

Trabalhar para a construção de uma comunicação mais inclusiva. Esta foi a ideia de Patrícia Carneiro, da Plann, que salientou não apenas a carga carregada por mulheres, como por negras. “Tem um momento na minha história em que falei para minha avó que queria ser bailarina e ela me disse que negras não eram bailarinas, que não eram artistas de TV. Neste momento eu botei na cabeça que não teria nada impossível pra mim e eu pago o preço disso até hoje”, compartilhou com as participantes.

Por fim foi a vez de Remi Owadokun, do Total Makeover Program, trazer um panorama da criação da mulher na Nigéria e as dificuldades enfrentadas ao longo de sua trajetória. “Para crescer na vida, a primeira coisa que você precisa é acreditar em si. A segunda coisa importante é ter o suporte de pessoas, ter mentores e pessoas nas quais você pode se apoiar nos ombros para ver coisas mais a frente”, destacou a autora de 4 best-sellers na Amazon e uma das mulheres mais inspiradoras da Nigéria em 2018.

Últimas Notícias:

Veja todas as notícias