Notícias

Prêmio Exportação RS se posiciona como uma plataforma de conteúdo sobre comércio internacional

O Conselho do Prêmio Exportação RS reuniu na manhã desta quinta-feira, 21 de março, lideranças de mercado, conselheiros e imprensa para apresentar o novo posicionamento e atualizações no processo da 47ª edição do Prêmio Exportação RS, que irá se transformar em uma plataforma de conteúdo sobre comércio internacional. A premiação, concedida por 17 entidades ligadas ao cenário exportador do estado, reconhece empresas nas categorias quantitativa, com base em dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), e qualitativa, com base na expertise das entidades representadas no Conselho do Prêmio Exportação RS.

 

Para a edição de 2019, foi realizado todo um estudo para modernização e revisão do prêmio. Estão previstas ações como site próprio com conteúdo de mercado; evento Arena da Exportação com cases de empresas exportadoras; produção de podcasts e uma Revista Digital com tecnologia de realidade aumentada e interatividade. Entre as novidades está a revisão de critérios de categorias quantitativas e qualitativas, com novas linhas de reconhecimento, voltadas para empresas fumageiras; joias e pedras preciosas; químicos e farmoquímicos; veículos e serviços exportadores.

 

Fabrício Forest, presidente do Conselho do Prêmio Exportação RS, falou sobre a importância da premiação acompanhar as transformações do mercado e do novo posicionamento. “Mais que uma noite de evento, entendemos que o Prêmio tem muito mais a oferecer, pois por ele passa a história do mercado exportador gaúcho, que hoje é o segundo no país, atrás apenas de São Paulo. Temos conteúdo para ser referência, gerar dados e debater os anseios do exportador, seja na questão de câmbio, impostos, leis, etc. E por isso a relevância de todo esse trabalho de planejamento que foi feito com entrevistas, diagnóstico e mapa do que pode ser melhorado”, destacou.

 

Para Edmilson Milan, CEO do Prêmio e Vice-Presidente de Comércio Internacional da ADVB/RS, o prêmio reflete tradição, confiança e reconhecimento e faz parte da trajetória exportadora do estado. “Há 47 anos, quando foi criado, ainda tínhamos uma exportação incipiente, e o Prêmio capacitou muitas empresas e ajudou a desenvolver a cultura exportadora do RS”, afirmou. Nos dois primeiros meses de 2019, as exportações do Rio Grande do Sul acumularam US$ 3,8 bilhões, conforme dados da FIERGS. Os principais destinos das exportações gaúchas são Estados Unidos; China e Argentina.

 

Este ano, a cerimônia de entrega da premiação será em 6 de junho, em Porto Alegre. Antes disso, o Conselho ainda promove, em abril, o Almoço da Exportação, que traz grandes nomes do segmento para compartilharem informações atuais acerca do comércio internacional no País, e o Café da Exportação, que revela previamente os vencedores.

Últimas Notícias:

Veja todas as notícias